Unicampo - Pós 2021
  • O que é isto? A nova Santa Casa? O sonhado centro de eventos? O porto seco? Uma nova indústria? Nada disso. É o projeto do futuro Centro Tecnológico de Campo Mourão e Região. O projeto foi mostrado ontem, durante o lançamento da Tecnocampo. Bonito, não?  Só as más línguas não perdoaram. Já começaram a apostar quanto tempo isso vai demorar para ficar pronto. Quer um palpite? Some o tempo de construção da Santa Casa e da Boiadeira e divida por dois, daí multiplique pelo tempo da Usina do Conhecimento e some com as obras do anel viário. Pelo menos serve com um bom exercício de matemática...

    Comentário(s)
  • Prever - Descontos

  • Lançada
    Aconteceu ontem à noite, no Clube 10, o lançamento da Fundação Tecnológica de Campo Mourão. A certa altura, no entanto, parecia mais o lançamento das candidaturas a deputado de Edson Battilani e Douglas Fabrício. Deram um jeitinho de colocar os dois na mesa de honra e eles ainda tiveram direito de discursar. Ah, depois que até o Schumacher aceitou uma mãozinha...


    Discurso
    Além de compor a mesa das autoridades e de discursar, Battilani ainda recebeu uma placa como homenagem do prefeito Tauillo Tezelli ao apoio que a Câmara deu à Tecnocampo. Pode? Mas não foi só isso, não. No discurso, Battilani ainda criticou os votos que a região dá a deputados de fora. Só faltou pedir voto, dar o nome, o número e um beijo numa criancinha...


    Cutucão
    Por estar começando agora, pode até ser que Douglas Fabrício falou sem segundas intenções, mas no discurso de ontem ele deu um cutucão no deputado Nélson Tureck. Foi ao parabenizar Tezelli por ter realizado o projeto da Tecnocampo e não tê-lo deixado “apenas no papel”. Uma baita indireta na lei do Pólo de Alimentos. Atrevido essa rapaz...


    Sem motivo
    Nada contra o Battilani, mas ele não tinha porque discursar no evento de ontem. Primeiro porque antes dele o presidente da Acamdoze, Ademir Flor da Silva, já havia falado em nome dos vereadores. Segundo, porque Battilani não é presidente, nem vice, nem secretário da Câmara. Pior: o vice Salvador Martins estava no evento. Ah, ninguém nem reparou...


    Lado a lado
    A solenidade de ontem, aliás, deixou lado a lado na mesa das autoridades Tezelli, Tureck e Rubens Bueno. Tava até bonito de ver. Além deles, apareceu um pára-quedista por lá. O deputado maringaense Ricardo Barros deu uma passadinha pelo evento. Foi embora antes do final, mas marcou presença. É, a eleição vai chegando e “ozome” vão dando as caras...


    Pólo
    Tureck não perdeu a oportunidade. Ao discursar, disse que a Tecnocampo é o complemento da lei estadual que definiu Campo Mourão como pólo da indústria de alimentos. Ele ressaltou que agora prefeitura e Estado têm leis que seguirão o mesmo caminho. E Tezelli, o que achou disso? Bem, o prefeito ficou rabiscando um papel e fingiu que não ouviu nada. Digamos que “faz parte”...


    Resposta
    O prefeito Tauillo Tezelli não respondeu Tureck diretamente, mas o deputado Rubens Bueno deu as suas tiradas. Falou mais da Copel do que da Tecnocampo só para chegar à Assembléia Legislativa e lembrar que os deputados votaram contra a vontade popular na questão da venda da empresa. Isso fora outros cutucõezinhos. No final, todos saíram sãos e salvos. E de barriga cheia...


    Falação
    O lançamento da Tecnocampo pecou pelo excesso de discursos. Nada menos do que nove pessoas foram chamadas para falar. Isso sem contar o pastor que fez a oração. Daí, já viu: vai dando um sono e o estômago velho começa a roncar indiscretamente. Sorte que o público mourãoense é animado. Aplaudiu até a exibição de um vídeo. Vá ver foi porque o filme era curtinho...


    Evangélicos
    Por falar nisso, a Igreja Católica de Campo Mourão precisa abrir os olhos. Não se vê padre nos eventos e inaugurações da prefeitura. Resultado: sobra sempre para um pastor evangélico a missão de fazer uma oração. Sempre é assim. Não foi diferente na Tecnocampo. Olha o último resultado do Censo, hein?...


    Bordô
    Para quem não conhecia, o presidente da Tecnocampo, o professor do Cefet Miguel Angel Rodriguez, tomou posse com um terno todinho bordô. Elegância pura. Agora, aquela cor fez muita gente sentir saudades do glorioso Sport Club Campo Mourão. Lembra da camisetona bordô? Aliás, para ficar igualzinho, só faltou o emblema da Fiat Guarani no paletó de Rodriguez...


    Ausentes
    A grande ausência no lançamento da Tecnocampo foi dos prefeitos da região. Fora Tezelli, só tinha mais três no evento: Marcos Lopes (Peabiru), Narcizo Cacilha (Quinta do Sol) e Valdinei Pelói (Rancho Alegre do Oeste). De Goioerê veio o vice, Paulo Calixto. E foi só. Vinte municípios ausentes. E se não vieram para a festa, imagine na hora de dar dinheiro à instituição...


    Licença
    Dos nove vereadores de Araruna, dois estão de licença médica. Luiz Batista de Oliveira e Hercílio Sérgio da Silva apresentaram atestado médico e deixaram temporariamente a função. No lugar deles entraram, respectivamente, Odécio Guarido (PSL) e Magali Priori Marques (PPS). Dois de nove é quase 20%. Mas não é estresse por esses 16 meses de trabalho, é?...


    Otimista
    Dos pré-candidatos da região de Campo Mourão, ninguém está mais otimista que o advogado Cláudio Arruda (PL). Ele disse numa reunião em Moreira Sales que precisa de 15 mil votos para se eleger deputado estadual e que sai com 12 mil votos de Campo Mourão. Isso mesmo: 12 mil. Então essa tá no papo. Só falta agora a gente resolver quem eleger para o Congresso Nacional...


    Tabelinha
    Ou comércio de Campo Mourão não bota fé no Felipão ou é Boca Santa que anda sem moral na praça, mas as três tabelinhas da Copa do Mundo que chegaram até este site são de Goioerê. Uma é de uma gráfica, outra de um pool de empresas e outra do deputado Hermes “Frangão” Parcianelo. Ô gente, pelo menos três jogos estão garantidos...


    Cemitério
    Primeiro o vereador Gustavo Gurgel cobrou da prefeitura mais atenção ao Cemitério São Judas Tadeu.  Ouviu que a limpeza do “campo santo” é feita regularmente. Agora, ele mandou outro requerimento ao prefeito. Quer saber especificamente o que quer dizer “regularmente”. Ué, é só uma questão de querer as coisas bem explicadinhas, nos seus mííííínimos detalhes...
    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • Tem uma meia dúzia em Campo Mourão que acha que o sol nasce só para eles.

    Sebastião Ribeiro (PT), vereador, reclamando das pessoas que criticam o seu projeto que regulamenta o serviço de mototáxi na cidade.

    Comentário(s)
  • Sicredi - Bank

  • Antônio José

  • Paraná Multas

  • Educare - Horizontal

blz.com.br