Unicampo - Vestibular 2021 inverno
  • Essa é mais uma da série do azulão que ficou o novo plenário da Câmara de Campo Mourão. Até as cadeiras do público são azuis. Essas aí da frente já obedecem aquela lei do vereador Sidnei Jardim que prevê reserva de vagas para os mais gordinhos. Elas são bem mais larguinhas. Os mais magrinhos podem até sentar em dois numa cadeira dessas. Aliás, elas mais parecem umas “namoradeiras”. Portanto, são ideias para aquelas sessões mais sonolentas...

    Comentário(s)
  • Corpal - Vem aí

  • Coquetel
    Só para confirmar: vai ter coquetel, sim, a solenidade de entrega de título de Cidadã Honorária para a secretária Fani Lerner. O evento será amanhã, às 17h30, no Clube 10 de Outubro. Só que como a legislação impede a Câmara de arcar com este gasto, o pagamento será feito pela prefeitura. Cardápio? Quitutes árabes. Ih, só falta aparecer a Jade procurando o Lucas por lá...


    Instrução
    O Tribunal de Contas do Estado tem uma instrução que diz ser possível o Legislativo pagar comida nesse tipo de solenidade. Mas há um porém: isso é preciso ser previsto em lei. Em Campo Mourão, a lei fala apenas na confecção do diploma e no aluguel de um recinto especial para a sessão solene. Nada de comes e bebes. Culpa do ex-vereador Celso Ferrari e sua mania de economia...


    Presidência
    Pelo andar da carruagem, a sessão solene de amanhã será presidida pelo 2o secretário José Turozi. É que o presidente Izael Skowronski, o vice Salvador Martins, o 2o vice Gustavo Gurgel e o 1o secretário Juvenal Vieira estão todos de viagem marcada. Só sobrou o Turozi para compor a mesa. Já pensou se dá uma dor de barriga nele...


    Devolução
    O promotor Inácio de Carvalho Neto disse ontem que naquela história da prefeitura de Farol deixar um motorista de “castigo”, sem nada para fazer, no mínimo, o resposável terá que devolver para os cofres públicos o salário que o servidor está recebendo sem trabalhar. Esse responsável é o chefe imediato dele ou o próprio prefeito Edson Martins. Alguém arrisca uma aposta?...


    Cedidos
    Em entrevista a Anízio Moraes, o promotor afirmou algo que deve ter deixado muito prefeito da região de cabelo em pé. Segundo ele, é contra a lei o município ceder ocupantes de cargos comissionados para trabalhar em outros órgãos do governo. Ceder servidor de carreira pode. Mas cargo comissionado nem pensar. Se bem que se ninguém denunciar...


    Valor
    Lembra daquela história do PV querer que a prefeitura retome a área de 40 alqueires que o município doou para o Colégio Agrícola em 1977? Pois é. “Boca Santa” fez um levantamento e descobriu que um alqueire por ali vale em torno de mil sacas de soja. Em dinheiro, isso significa mais ou menos R$ 780 mil. Fora a infra-estrutura! Ih, nem o Bambam ganhou isso no Big Brother...


    Roubada
    Uma moto Honda CG 125 da prefeitura de Campo Mourão foi roubada anteontem. Detalhe: o furto ocorreu em frente à Codusa, que fica do ladinho do 11o Batalhão da Polícia Militar. E tudo em plena 11 horas da manhã. Para sorte de todo mundo, no entanto, a motoca foi encontrada abandonada,à noite, na Vila Guarujá. Ufa! Não é por isso que vão precisar subir o IPTU...


    Premiado
    A Secretaria da Fazenda de Campo Mourão entrega nesta sexta-feira a TV 20 polegadas sorteada no final de semana pelo Imposto Premiado. É o primeiro prêmio deste ano. O felizardo é o empresário Nirveu Libânio, uma vez que o número sorteado – 36.842 – é da empresa dele – N.F. Injetturbos. Para quem não ganhou nada, o consolo é pegar esse número aí e jogar no bicho...


    Barreiras
    A Vigilância Sanitária de Campo Mourão está levando a sério as barreiras nas entradas da cidade para impedir a venda de leite cru pela ruas da “city”. Somente nos últimos dias quatro produtores foi autuados. Pior: 293 litros de leite e 40 quilos de manteiga foram jogados fora. Agora é assim. Não pasteurizou, dançou! Nem o Batman faria melhor em Gotham City...


    Aparência
    Um triste acidente ontem de manhã, no centro da cidade, envolvendo uma ciclista e um Del Rey, matou a mulher que conduzia a bicicleta. Curioso foi a divulgação do fato. Na Humaitá, a informação era de que a vítima aparentava 35 anos. Na Colméia, a aparência era de 60 anos. Idade real? 50 anos. Ah, soma 60 com 35, dá 95. Divide por dois, dá 47,5. Tá na média, tá na média...


    Calendário
    Muito bonito o calendário 2002 que a Fundação Cultural de Campo Mourão está distribuindo. Bonito e útil. Ele traz os principais eventos da cidade, mês a mês, pra gente não esquecer de nada. Legal. Agora, cá entre nós: meio atrasadinho distribuir calendário do ano em abril, né?...


    Agilizador
    “Boca Santa” brincou ontem que a prefeitura de Campo Mourão está precisando de um “respondedor geral” para responder os pedidos de informações do Ministério Público. De Goioerê, chegou e-mail dizendo que por lá o vereador Jacinto Tiziani já propôs, oficialmente, que a prefeitura crie o cargo de “agilizador de requerimentos”. Se era por falta de cargos...


    Na espera
    O curioso nessa história do “agilizador de requerimentos” de Goioerê, é que a proposta foi aprovada pela Câmara, mas ainda não surtiu o efeito desejado. Resultado: o vereador Jacinto Tiziani continua aguardando a contratação do agilizador para ver se o seu requerimento é agilizado. Ah, mas vão querer pressa justo agora que o prefeito vem da Bahia?...


    Ringue
    A cadeia de Campo Mourão tá parecendo ringue de luta livre. Toda semana tem pancadaria entre preso. Na última briga, anteontem, à noite, um preso foi parar na UTI. Ele estava sendo enforcado. Em janeiro já morreu um lá dentro. E olha que essa briga de segunda-feira foi numa cela de segurança, separada das outras. Só falta transmissão da TV Carajás...


    Conselho
    Eles já foram amigos, fizeram campanhas juntos, e trabalharam lado a lado na primeira administração de Farol, mas é melhor não convidar o atual prefeito da cidade, Edson Martins, e o ex-prefeito, Gilmar Cardoso, para jantarem na mesma mesa. Principalmente se os pratos não forem inquebráveis...
    Comentário(s)
  • Prever - Planos

  • Precisou até morrer gente para ele assumir a vaga”.

    Izael Skowronski (PPS), presidente da Câmara, em mais uma provocação a Nélson Tureck (sem citar o nome dele), dizendo que o deputado entrou na Assembléia pela “porta dos fundos” porque ficou na suplência e só pôde assumir o mandato depois.

    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • Sicredi - Bank

  • Antônio José

  • Paraná Multas

  • Educare - Horizontal

blz.com.br