Prever Novo
  • Essa aí é para a gente passar o dia se remoendo de raiva. A foto mostra o governador Jaime Lerner (PFL) assinando o projeto de lei que transforma as faculdades estaduais (inclusive a Fecilcam) em Universidade Estadual do Paraná (Unespar) com sede em Jacarezinho. Isso mesmo: Campo Mourão pensou primeiro, reivindicou primeiro, brigou primeiro, se preparou primeiro, viu proposta ser aprovada primeiro, engoliu o veto do governador primeiro, aguentou promessa de uma universidade pública primeiro e agora ainda tem que ver essa? Ué, levou fumo primeiro...  

    Comentário(s)
  • Unicampo - Solidário

  • Com direito a transmissão ao vivo da TV Tarobá, Campo Mourão perdeu ontem à noite de 7 a 3 para Cascavel pelo Paranaense de Futsal. Jogo foi em Cascavel. Pior que a derrota foi aguentar a narração da TV cascavelense, que não disfarçou sua torcida pelo time da casa. E olha que tinha patrocínio da Fundação de Esportes de Campo Mourão. Hum, para isso tem dinheiro...
    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • A nova miss Campo Mourão, quem diria, é frentista de posto de gasolina. Isso mesmo: Angélica de Paula Gama, 17 anos, 1,70 metro e 50 kg, que trabalha no posto E5, foi a vencedora do concurso encerrado na madrugada de sábado. Maravilha. Mas não vão subir a gasolina por causa disso, vão?...

    Comentário(s)
  • Sicredi - Bank

  • A proposta do governo do Estado de criar a Universidade Estadual do Paraná (Unespar) e incluir a Fecilcam nela pode não ser tão ruim. Parece que o projeto prevê autonomia para cada um dos campi da Unespar. Aí até que vai. O duro é a dor de cotovelo de ver Jacarezinho como sede da instituição. Se fosse um crocodilo, até vá lá! Mas ao menos não é uma lagartixa...

    Comentário(s)
  • Carlos Dubay

  • Campo Mourão tem 80 mil habitantes e a Fecilcam 2,4 mil alunos matriculados em nove cursos de graduação. Jacarezinho tem 39,5 mil moradores e 2,5 mil alunos no 3º grau, mas em compensação tem três faculdades estaduais, inclusive com curso de direito gratuito. Ah, mas se Jacarezinho é tão bom assim, por que Dom Mauro veio pra cá?...

    Comentário(s)
  • Farol - Covid - novo

  • A diferença entre Campo Mourão e Jacarezinho é que enquanto "eles" têm o presidente da Assembléia Legislativa, "nós" temos um deputado federal que foi para a oposição depois de eleito (antes não era), um deputado estadual de meio mandato e um prefeito que não sabe se fica do lado do governador ou do deputado federal. Mais alguma dúvida?...

    Comentário(s)
  • Ahertz Terraplenagem

  • O engraçado é que as liderenças políticas e empresariais de Jacarezinho não gostaram muito dessa história de Unespar. Eles queriam a Universidade do Norte Pioneiro. Tanto é assim que receberam o governador com faixas de protesto. Aqui, Lerner vetou a Unescam, veio com uma idéia surrealista de universidade alternativa e foi recebido com direito a banda e tudo...

    Comentário(s)
  • Hemonúcleo - Agendadamento

  • Ontem, em entrevista ao Jornal da Rural, o prefeito Tauillo Tezelli (PPS) até que mostrou sua insatisfação com o governo do Estado. Ele criticou o não cumprimento de um convênio com o Cefet e a demora para a liberação de uma contrapartida de R$ 330 mil para a Santa Casa. Ah, tadinho do governador...

    Comentário(s)
  • Marcio Nunes 2

  • Tezelli disse que os R$ 330 mil que o Estado deve à Santa Casa hoje são dispensáveis. É que o dinheiro só pode ser usado em construção e as obras do hospital estão prontas. O que Santa Casa precisa agora é de verba para a aquisição de equipamentos. Ah, quem sabe se a gente esperar mais uns 11 anos?...

    Comentário(s)
  • Terra FM

  • Tezelli ataca na rádio Rural e o deputado Nélson Tureck (PFL) contrataca na rádio Humaitá. O parlamentar disse que os R$ 330 mil só não foram liberados porque a prefeitura de Campo Mourão não tem uma certidão negativa do Tribunal de Contas. Sabe o que é o pior dessa história? Os dois têm razão...

    Comentário(s)
  • No rapel que fizeram sexta-feira no edifício Likes, policiais militares de Campo Mourão desceram num estilo chamado "lagartixa". O estilo leva esse nome porque a descida em corda é feita de cabeça para baixo com a barriga encostada na parede. Tá certo que os salários andam baixos, mas não precisava se rastejarem daquele jeito...

    Comentário(s)
  • Um advogado que assistia a demonstração da PM na prisão de um bandido, não resistiu ao ver, cinco minutos depois, o falso bandido solto em meio ao público que acompanhava o evento pelo 147º aniversário da Polícia Militar. "Ele deve ter encontrado um advogado no meio do caminho", disse. É, se a vida imita a arte, por que a arte não pode imitar a vida?...

    Comentário(s)
  • Tem nova enquete no ar em BOCA SANTA. Por que acontece de tudo na nova rodoviária de Campo Mourão e ela não começa a funcionar nunca? Será interferência do mesmo sapo que impede a conclusão da Estrada Boideira? Será praga, castigo ou olho gordo da oposição? Vote. Mas só votar não adianta para a rodoviária funcionar. Quem sabe uma reza para Santo Expedito...

    Comentário(s)
  • A enquete encerrada ontem à noite, com direito a novo recorde de participação, não teve nem graça. Mais da metade dos votantes (55%), responderam que só falta acontecer na nova rodoviária um novo "boiko-te" do Expresso Nordeste. Outros 14% votaram na possibilidade do terminal ser atingido pela ressaca de Martinhos e 9% numa desativação para contenção de despesas. Sorte que não tinha a opção de que só falta vergonha na cara...

    Comentário(s)
  • Todo ano é a mesma história: todo mourãoense que dá uma passadinha pela Expogoio volta elogiando a estrutura do Parque de Exposição de Goioerê. E não há nenhum exagero nisso. Quem duvida pode dar um pulinho lá hoje, no último dia da festa pelos 46 anos de Goioerê. Ah, dá para aproveitar e comprar um carro da Volkswagen, por que lá tem concessionária, viu?...

    Comentário(s)
  • O vereador Geraldinho Sacramento (PSL) pediu à Telepar que acabasse com o interurbano que existe nas ligações entre Campo Mourão e o distrito de Piquirivaí. Recebeu a resposta que isso só pode ser feito pela Anatel. Pior: Geraldinho descobriu que está mais barato ligar para o Estados Unidos do que para Piquirivaí. E se a gente mudar o nome do distrito para Peekrihawai?...

    Comentário(s)
  • A secretária mostrou que tem palavra. Falou que não iria pagar e não pagou"

    Tauillo Tezelli (PPS), prefeito de Campo Mourão, ontem, no Jornal da Rural, reclamando do governo do Estado que não paga os funcionários do Cefet, como está previsto em convênio. A secretária, no caso, é Alcyone Saliba.

    Comentário(s)
blz.com.br