Unicampo - Pós 2021
  • Existem tantos catadores de papel em Campo Mourão que eles nem chamam mais a atenção. A não se que seja esse aí da foto, o Jocemar da Rosa, 18. O carrinho dele é feito com pedaços de madeira, como a maioria dos que andam por aí. Mas tem duas diferenças fundamentais. Primeiro: tem volante, o que, garante Jocemar, deixa o trabalho mais ágil. Segundo: como mostra a placa, trata-se de um "veículo usado com garantia Chevrolet". E olha que ele conseguiu tudo isso faturando apenas R$ 2 (no máximo) por dia...

    Comentário(s)
  • Colegio Vila Militar

  • A prefeitura de Campo Mourão paga hoje a folha de pagamento de julho. E ela já vem com o reajuste de 8% aos servidores. Isso graças a uma emenda do vereador Sidnei Jardim (PPS). É que o projeto original previa que o aumento entraria em vigor na data da publicação (hoje). Jardim mudou isso para 1º de julho. Mas não precisa elogiar, não, porque ele também se beneficiou do aumentinho...
    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • Com o reajuste dado aos servidores, sobem os vencimentos os vereadores. De R$ 1.833,95, o salário dos "nobres edis" vai para R$ 1.980,66. Só que como eles recebem todo dia 25, o pagamento foi sem aumento. Agora terão uma folha complementar com a diferença (R$ 146,71). Ah, fica como se fosse um jetonzinho pelas sessões extra desta semana...

    Comentário(s)
  • Sicredi - Bank

  • Curiosa é a situação do vice-prefeito Getulinho Ferrari (PPS). Como vice-prefeito, ele recebe apenas o piso mínimo do município. O piso, que era R$ 158,34, saltou para R$ 171 graças aos 8% de reajuste. Não dá nem o salário mínimo (R$ 180). Terão que dar um abono de R$ 9 para o Getulinho. Mas não precisa ficar com dó, não, porque como coordenador geral da prefeitura ele terá um aumentinho de uns "duzentão". Pelo menos até o dia 31 deste mês...

    Comentário(s)
  • Antônio José

  • Lembra que o prefeito Tauillo Tezelli (PPS) disse que a idéia do vereador Edoel Rocha (PSDB) para redução do IPTU é injusta porque dá o mesmo percentual para ricos e pobres? Pois é. Só que o reajuste salarial da prefeitura segue a mesma regra. O salário do prefeito, por exemplo, salta de R$ 5.301,31 para R$ 5.725,41 com os 8%. São R$ 424,10 a mais por mês. Tá com inveja? Se eleja prefeito...

    Comentário(s)
  • Educare - Horizontal

  • Falando em redução de IPTU, Edoel Rocha bem que esperneou ontem durante a votação em segundo turno da LDO, mas não teve jeito. Ele não conseguiu que sua emenda prevendo a redução de 30% da alíquota do IPTU fosse votada em destaque. Em protesto, votou sozinho contra a Lei de Diretrizes Orçamentárias. Na democracia é assim: não tem voto, não tem vez...

    Comentário(s)
  • Ahertz Terraplenagem

  • A certa altura da discussão, Edoel Rocha ficou nervoso e disse que tinha vontade de largar tudo e ir para casa. Se tivesse feito isso, não haveria nem tempo da cadeira esfriar. O primeiro suplente do PSDB, Reinaldo Remiggio, estava no plenário assistindo tudo. E já engravatado, pronto para ser empossado. Bobeie para ver uma coisa, bobeie!...

    Comentário(s)
  • Marcio Nunes 2

  • O vereador Luiz Carlos Kehl (PFL) estava mais calmo ontem e descartou a hipótese de acabar já com o recém formado bloco entre PFL, PMDB e PSDB. Maria Verci Ribeiro (PSL) também não falou mais em sair do PSL, onde se filiou há poucos dias. Portanto, entre mortos e feridos, estão todos salvos...

    Comentário(s)
  • A mesa diretora da Câmara de Campo Mourão resolveu ontem formar uma comissão de ética para apurar denúncias contra Edoel Rocha. Como o caso está tramitando na Justiça, é bem provável que o conselho decida pela espera de uma decisão judicial, como já fez o colégio de líderes do legislativo. Mas pelo menos dá um trabalhinho aos "nobres edis"...

    Comentário(s)
  • Foram aprovadas ontem, em segundo turno e por unanimidade, as contas de 1998 do prefeito Tauillo Tezelli (PPS). Ninguém contestou nada. O vereador Celso Hruschka (PMDB) explicou à BOCA SANTA que aceitou a aprovação porque em 1998 não era vereador e não fiscalizava a prefeitura. Disse também que o prefeito tem que se explicar com o Ministério Público. Ui-uiu-uiu!...

    Comentário(s)
  • A secretária municipal do Planejamento, Ricardina Dias, corrige uma informação que está na enquete desta semana de BOCA SANTA. O Fusca dela é 1972 e não 1975 como vem sendo divulgado nesta Página. Mas que o Fuscão está feio ela não disse nada. Ah, quem sabe agora com o reajuste de 8% Ricardina não consiga pelo menos uma pinturinha nova...

    Comentário(s)
  • O deputado estadual Nélson Tureck (PFL) ficou preso dentro do campo do estádio Roberto Brzezinski, no domingo à tarde, após jogo pelas semifinais do Amadorzão. É que como havia ameaça de invasão de campo, cadearam o portão do alambrado. Tureck teve que ficar lá, esperando. Só saiu quando já estava escuro e fazendo frio. Ficou mais tempo preso do que o juiz Lalau...

    Comentário(s)
  • Está marcada para hoje, às 21h, uma vigília em frente à casa de Tureck (av. Goioerê, 1980, apto 401) em protesto contra os deputados que são favoráveis à venda da Copel. A vigília terá velas acesas e tudo. Até o "quase" prefeito de Curitiba, Ângelo Vanhoni (PT), deverá estar presente. Ah, eles que são deputados que se entendam...

    Comentário(s)
  • Aleluia! A prefeitura anunciou ontem que a nova rodoviária de Campo Mourão começa a funcionar na terça-feira. Isso mesmo: 13 meses depois de ser inaugurada, com festa e tudo, a nova rodoviária vai funcionar. Viva! E vai entrar em operação no dia 31 de julho, último dia do mês em que o funcionamento fora prometido. Ufa! Essa foi por um triz...  

    Comentário(s)
  • A empresa Engelétrica (Cascavel), que ganhou a concorrência para fazer a coleta de lixo e a varrição das ruas de Campo Mourão, vai fazer todo o trabalho cobrando 17,1% menos do que cobra a empresa atual, a Construfert (São José do Rio Preto-SP). Nada, nada, são R$ 15 mil mensais de economia. Ih, mas até o lixo em Campo Mourão está desvalorizando...

    Comentário(s)
  • Se você está pensando que pagando preços mais baixos para coleta de lixo e varrição de ruas a prefeitura vai abaixar as taxas cobradas junto com o IPTU, pode ir tirando o cavalinho da chuva. A Secretaria da Fazenda já informou que o serviço continua deficitário. Em 2000, por exemplo, a prefeitura arrecadou R$ 600 mil e gastou R$ 1 milhão com o lixo. Ah, estraga prazer!...

    Comentário(s)
  • Eu conheço muito bem essa máfia de branco que são os médicos".

    Maria Verci Ribeiro (PSL), vereadora, anteontem, durante discussão do projeto que obriga os médicos de Campo Mourão a emitirem o nome de remédios genéricos em suas recetias. Depois, Verci amenizou e disse que usou o termo máfia "no bom sentido".

    Comentário(s)
blz.com.br