Prever - Novo
  • A velha agência do Banestado de Campo Mourão não atende mais ninguém desde a sexta-feira da semana retrasada, dia 14. A cena acima, no entanto, se repetiu muito durante esta semana. Clientes e usuários que não foram informados sobre o fechamento procuraram normalmente o banco. Uns iam até entrando e se espantavam ao se deparar com a agência totalmente desmontada. Aliás, tem gente que não entendeu até agora o que aconteceu. Deve estar imaginando que caiu numa pegadinha do Sílvio Santos...

    Comentário(s)
  • Unicampo Vestiba 2019

  • O time de futebol da Câmara de Campo Mourão terminou invicto a primeira fase do Campeonato Inter-Câmaras. No último jogo, 5 a 3 sobre Farol. Em 4 jogos, foram 2 vitórias e 2 empates, 10 gols marcados e 7 sofridos.  O suficiente para terminar em primeiro lugar na chave. Digam agora que os vereadores de Campo Mourão não estão com a bola toda...
    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • Pouca gente acreditava, mas professores e funcionários da Fecilcam aprovaram a adesão à greve dos servidores estaduais. Até o dia 28 é "meia greve", uma vez que ainda há aulas até o intervalo. Depois, será greve total. Quem diria, hein? É, para quem pensa em virar universidade, é bom ir se acostumando...

    Comentário(s)
  • Farol - Novembro Azul

  • Campo Mourão, aliás, vive uma situação inédita em sua história. Duas das três instituições de ensino superior da cidade estão paralisadas devido a movimentos grevistas. O primeiro a parar foi o Cefet. Agora é a Fecilcam. Funcionando normal só o Cies, que é particular. Se bem que, nesse clima, já deve ter alunos com as barbas de molho...

    Comentário(s)
  • Sicredi

  • O deputado estadual Nélson Tureck (PFL) esteve sexta-feira na prefeitura de Campo Mourão. Foi entregar um cheque de R$ 32 mil para a aquisição de calcário. O engraçado é que já fazia pelo menos uma semana que Tureck andava com esse cheque no bolso. Ah, deve ter sido para dar uma "judiadinha" no prefeito...

    Comentário(s)
  • Ahertz Terraplenagem

  • Está marcada a data da nova audiência pública que o prefeito Tauillo Tezelli (PPS) terá que participar para prestar contas da situação financeira do município no último quadrimestre. Será no próximo dia 28, às 19h30, na Câmara de Vereadores. Um doce como o prefeito não fala dos R$ 1 mil gastos por dia em propaganda nesse período...

    Comentário(s)
  • ACMF

  • O escritório regional da Cohapar em Campo Mourão está atrás de uma nova sede. O prédio atual ficou pequeno para a companhia. O que pouca gente sabe é que o atual escritório, que funciona na antiga sede da Construtora Piacentini, pertence à Mitra Diocesana. Ih, só falta a Igreja perder o aluguel e o padre Jorge querer subir o dízimo...

    Comentário(s)
  • Terra FM

  • No grupo de Campo Mourão, quem deu vexame no Inter-Câmaras foram os vereadores de Araruna. Eles não compareceram nas últimas duas partidas e o time acabou perdendo por WO. Coisa feia. Pelo regulamento, cada ausência dá uma multa de R$ 100. Ah, depois do aumentinho que a Câmara ararunense arrumou para os vereadores no final do ano passado, "cenhão" não é nada...

    Comentário(s)
  • Marcio Nunes 2

  • No mesmo grupo, Mamborê venceu Boa Esperança por 6 a 4 e garantiu o segundo lugar. O curioso é que antes do jogo correu o boato que a turma de Mamborê estaria oferecendo uma churrascada para Boa Esperança (já classificada) desistir da partida. Depois, com a vitória mamboreense, teve gente de Boa Esperança que foi cobrar o churrasco. Depois ainda falam da CBF...

    Comentário(s)
  • Hoje tem cavalgada no Parque do Lago Azul. A largada será às 8h30 na Associação do DER e a chegada será 30 km depois, na sede de Luiziana. O percurso será feito contornando o lago. A inscrição custa 2 kg de alimentos não perecíveis e são esperados mais de 200 cavaleiros. Ah, depois que até o temido Abin Laden fugiu a cavalo, virou moda...

    Comentário(s)
  • Em julho, quando o presidenciável Ciro Gomes esteve em Campo Mourão, o diretório municipal do PPS fez questão de anunciar a filiação de um xará dele: Ciro Eduardo Gomes. Foi filiação com direito a abono do presidenciável e tudo. Agora saiu a nomeação dele para trabalhar na prefeitura. Viu, quem manda você não ter o nome certo na hora certa?...

    Comentário(s)
  • BOCA SANTA já comentou que, aos pouquinhos, todo mundo que saiu da prefeitura no mês passado está sendo nomeado de volta. Lembra do Celso Guimarães do Vale que foi do Sine e do Governo Interativo? Pois é. Voltou. Isso dá até enredo para filme: "A volta dos que não foram"...

    Comentário(s)
  • Portaria 366/2001, publicada sexta-feira no "Órgão Oficial" dá competência para três secretários municipais assinarem cheques de todas as contas da prefeitura. São eles Getulinho Ferrari (Coordenação Geral), Robervani Pierin do Prado (Procuradoria Geral) e Beto Pequito (Fazenda e Administração). Só cuidado com sequestros relâmpagos, hein?...

    Comentário(s)
  • Na sua opinião, o que deve ser feito com o prédio abandonado do falecido Banestado? Esta é a enquete desta semana de BOCA SANTA. Armazém de soja? Circo? Rinha para briga de galo? Banco do Povo? Ou que tal implodi-lo? Vote, já que na hora de fecharem o banco ninguém perguntou nada pra gente...

    Comentário(s)
  • Quer saber quanto está custando cada show da Expocampo 2001 para a prefeitura? Então, anota lá: Bruno e Marrone (R$ 64,9 mil); Vinny e Banda Pit Bul (R$ 22,5 mil); Marlon e Maicon (R$ 22,5 mil); Banda Herança (R$ 9,9 mil). Pelo menos foi isso o que saiu publicado no "Órgão Oficial". Depois ainda falam que são os deputados que ganham bem...

    Comentário(s)
  • Um extrato publicado no "Órgão Oficial" diz que a Funcadam pagou R$ 2,9 mil para a banda Garrafão se apresentar no lançamento da 12ª Expocampo, dia 7 de setembro, no Clube 10 de Outubro. Detalhe: a Expocampo 2001 é a 22ª, o lançamento foi no dia 6 e na Associação dos Agrônomos. Erraram só o ano, o dia e o local. Mas a banda era essa, não era?...

    Comentário(s)
  • As empresas só ganham e nós só pagamos".

    Ademir Moro Ribas, secretário municipal de Infra-Estrutura e Meio Ambiente, defendendo que o novo edital de licitação do serviços funerários determine que as funerárias tenham que fazer a manutenção e novos investimentos no Cemitério Municipal São Judas Tadeu, numa espécie de terceirização.

    Comentário(s)
blz.com.br