Prever - Novo
  • A presença do Comboio Cultural em Campo Mourão, no sábado retrasado, foi muito bonita. Isso não se discute, apesar do pouco público. Agora, o que não ficou nada bonito foi ver faixas anunciando a presença do Comboio amarradas em árvores da Praça São José. Em árvores não pode. E olha que elas foram amarradas pela própria prefeitura e pela Fundação Cultural (Fundacam). Ai-aiai-aiai! Pelo visto, o novo secretário de Fiscalização, Cristiano Calixto, tem que começar dando a lição de casa para seus próprios companheiros...

    Comentário(s)
  • Unicampo - vestibular novo

  • ...
    Comentário(s)
  • Paraná - ofertas

  • O convênio entre Secretaria de Estado de Segurança Pública e prefeitura de Campo Mourão para ceder o antigo quartel do 11º BPM ao Tiro de Guerra foi assinado em junho de 1997, tinha validade por 2 anos e não foi renovado. Ou seja: está vencido desde junho de 1999. Vichi! Portanto, os atiradores que se cuidem. Eles podem ser os próximos a serem expulsos...

    Comentário(s)
  • Expojur 2019

  • A Câmara de Vereadores aprovou ontem à noite projeto do vereador Edson Battilani (PPS) que disciplina a criação de cães e gatos em Campo Mourão. O projeto diz que quem tiver mais de 10 cães ou gatos em casa terá que comunicar a prefeitura, sob risco de levar uma multa de R$ 10 para cada bichinho excedente. Ih, tá criado o IGC - Imposto sobre Gatos e Cachorros...

    Comentário(s)
  • Farol - Festa do Agricutor

  • Também foi aprovado ontem à noite a proposta do vereador Sidnei Jardim (PPS) de se proibir no território mourãoenses os famosos caça-níqueis. O projeto só depende agora da sanção do prefeito Tauillo Tezelli (PPS). Ele não deve vetar uma idéia do líder do governo. Agora, se a lei tiver a mesma força daquele decreto do governador, ih, dá para caçar muito níquel ainda...

    Comentário(s)
  • Poupar e Ganhar - Sicredi

  • A sessão ordinária da Câmara terminou cedo ontem, por volta das 21 horas. A reunião foi feita às pressas porque houve em seguida uma sessão especial com diretores do Lions de Campo Mourão. O curioso é que foi a própria direção do Lions que se auto-convidou para uma sessão especial. Pode? Tem gosto para tudo neste mundo mesmo...

    Comentário(s)
  • ACMF

  • Com a saída dos vereadores Celso Hruschka e Gustavo Gurgel do PMDB, o partido fica sem representantes na Câmara de Campo Mourão pela primeira vez nos últimos 25 anos. E olha que entre os três primeiros vereadores eleitos pelo velho MDB, em 1976, estava José Luiz Gurgel, pai de Gustavo. Ah, depois o Brasil perdeu para Honduras e até World Trade Center caiu...

    Comentário(s)
  • Ahertz Terraplenagem

  • Apesar da saída de Hruschka e Gustavo do PMDB, a sala da assessoria deles continuava ontem repleta de adesivos do partido pelas paredes e até de fotos do senador Roberto Requião (PMDB). Mas isso vai virar coisa do passado. Como os dois agora são do PDT de Brizola, o negócio é tomar chimarrão, usar camisa azul clara de manga longa e lenço vermelho no pescoço, tchê!...

    Comentário(s)
  • TV Carajás

  • Ao "Jornal da Rural",  a ex-deputada Amélia Hrushcka disse que ela e o filho, o vereador Celso Hruschka, deixaram o PMDB porque não havia renovação no partido na cidade. Agora, cá entre nós: se a dona Amélia, que foi casada com um vereador nos anos 60, foi vereadora nos anos 70 e deputada nos anos 80, acha que falta renovação, é porque a coisa tá feia, não?...

    Comentário(s)
  • AML - Concuso

  • Celso Hruschka disse ontem à noite, durante sessão da Câmara, que saiu do PMDB porque não havia companheirismo dentro do partido. Disse que o PMDB fazia reuniões e não convidava os vereadores da sigla. Já Gustavo Gurgel afirmou que os "nobres edis" peemedebistas não tinham vez nem voz no diretório municipal. Ué, mas "partido" tem esse nome por quê?...

    Comentário(s)
  • Terra FM

  • Com a saída de Celso Hruschka do PMDB, o caminho para a presidência do diretório municipal do partido ficou livre para o engenheiro Roberto Mauro. O presidenciável ainda desprezou os antigos companheiros. Disse que Hruschka deixou o partido porque não conseguiu montar uma chapa para concorrer com ele. Hummm, poderoso!...

    Comentário(s)
  • Marcio Nunes 2

  • Nessa mudança de partidos, é bom registrar duas coisas. Primeira: o vereador Edoel Rocha ficou no PSDB, que agora é o partido do deputado governista Nélson Tureck. O prefeito de Roncador, Odilon Andreoli Gonçalves, também continua tucano, apesar de ter se balançado para ir ao PDT. É, pelo jeito o ninho não estava tão ruim assim...

    Comentário(s)
  • Edoel Rocha contou ontem à noite que devido às diárias de R$ 90 precisou se hospedar num hotel baratinho durante a viagem à Brasília na semana passada. O hotel ficava ao lado do aeroporto, o que não deixou os vereadores durmir. Para piorar, não tinham café da manhã. Assim, passava as manhãs com sono e fome. Ah, no Afeganistão tá pior e o Bin Laden não reclama...

    Comentário(s)
  • Tadinha da rodoviária velha de Campo Mourão. Ninguém lembrou que ela fez 34 anos de vida ontem. O antigo terminal foi inaugurado em 8 de outubro de 1967 pelo prefeito Rosalino Salvadori. Nesse mesmo dia o Hino de Campo Mourão foi executado pela primeira vez. E você pensando que a única execução de 8 de outubro de 67 era a Che Guevara na Bolívia...

    Comentário(s)
  • Começa hoje à noite a 21ª Expocampo. O show de abertura é com a dupla Marlon e Maicon e a entrada custa R$ 5. Vá e prestigie, afinal, esse show está custando R$ 22,5 mil à prefeitura. Se não der público, até quem não gosta da dupla terá que pagar a conta. Só não vá pensando que o Marlon é o Brando nem que o Maicon é o Jackson...

    Comentário(s)
  • Deu "empate técnico" em Campo Mourão na disputa em segundo turno pelo diretório estadual do PT. O deputado padre Roque fez 30 votos, contra 31 dados ao vereador de Londrina André Vargas. Houve outros dois votos nulos. No primeiro turno, padre Roque havia feito 13 votos e Vargas, 41. Ih, mais um votinho e a decisão tinha que ir para a prorrogação com morte súbita...

    Comentário(s)
  • Tem membro do PPS de Campo Mourão aliviado com o rompimento nacional do partido com o PDT. Tudo porque o partido de Ciro Gomes filiou o ex-governador gaúcho Antônio Brito, o que irritou o líder pedetista Leonel Brizola. Agora, já imaginou se essa aliança fica de pé aqui no Paraná e o deputado Rubens Bueno tem que apoiar o senador Álvaro Dias? Ih, melhor nem pensar...

    Comentário(s)
  • Agradeço a presença do ex-prefeito de Campo Mourão, professor José Turozi".

    Izael Skowronski (PPS), presidente da Câmara, durante sessão do dia 24 de setembro, querendo, na verdade, agradecer ao ex-prefeito José Pochapski, até porque, Turozi, pelo que se consta, não é professor e nunca foi prefeito...

    Comentário(s)
blz.com.br